Livro “Apontamentos para a Genealogia da família Brito” será lançado no dia 20 de junho, em Alagoinha

0

Com organização dos escritores Honorato Lima, Samuel Nascimento e Getúlio Brito, será lançado no dia 20 de JUNHO, às 19h30min, na Praça São Francisco, município de Alagoinha do Piauí-PI, o livro “APONTAMENTOS PARA A GENEALOGIA DA FAMÍLIA BRITO”. O livro relata a chegada dos colonos às terras que hoje correspondem ao município de Alagoinha do Piauí-PI e demais municípios da região. Descreve a forma de educação, cultura, religião e lazer da Família Brito na região.

O Projeto do livro “Apontamentos para a Genealogia da Família Brito” começa a ser pensada ainda no ano de 2011, em uma parceria dos amigos, Samuel Nascimento e Honorato Lima. No decorrer das pesquisas várias pessoas somaram forças ao projeto, entre elas, o grande conhecedor das histórias da família, Getúlio Brito.

Para chegar ao resultado que permeia o livro, uma série de entrevistas foram realizadas a descendentes da família Brito em Alagoinha, Serra Velha, Areia Branca, Vila Nova do Piauí e em mais de 10 municípios do Estado. Somando a isso, a visita a cartórios, igrejas, arquivos públicos, museus, bibliotecas, cemitérios e pontos históricos do Estado.

Sobre os autores: Honorato Lima é Licenciado em História pela Universidade Federal do Piauí (UFPI), funcionário contratado da Secretaria Municipal de Saúde de Alagoinha do Piauí-PI e pesquisador genealógico.

Samuel Nascimento é Bacharel em Administração pela Universidade Estadual do Piauí (UESPI), Poeta, Escritor, Cordelista, autor de 2 livros de poesias e 7 livros de Cordel e pesquisador das histórias da Família Brito e sua Genealogia.

Getúlio Brito é Bacharel em Marketing Empresarial pela Universidade Estadual do Piauí (UESPI), Escritor, Poeta, Empresário e um grande conhecedor das histórias da Família Brito e sua Genealogia.

No lançamento haverá apresentações culturais (música, teatro, declamações de poemas) e encerramento com um grande show em praça pública. Todos são convidados a participar.

Texto por: Samuel Nascimento

Deixe uma resposta