Terceiro preso morre após suspeita de leptospirose em presídio no Piauí

0
Terceiro preso morre após suspeita de leptospirose em presídio no Piauí

A Secretaria de Justiça (Sejus) confirmou a morte de um detento que estava internado no Hospital de Urgências de Teresina (HUT). Jefferson Linhares Silva estava preso na Cadeia Pública de Altos, onde outros dois presos morreram nos últimos oito dias vítima de infecção. Segundo a Sejus, há outros 21 presos da CPD de Altos internados em hospitais de Teresina.

Ainda de acordo com a Sejus, a causa da morte segue em investigação. Em nota, a secretaria informou que a morte aconteceu nesta sexta-feira (22), em decorrência de um agravamento no quadro de saúde do detento. Jefferson estava preso desde a última segunda-feira (18).

Com este caso, sobe para três o número de presos que faleceram na Cadeia Pública de Altos. O primeiro caso aconteceu no dia 14 de maio, e o segundo ocorreu cinco dias depois, na terça-feira (19).

Suspeita de leptospirose

Ainda no dia 7 de maio, uma infecção ainda não identificada havia sido detectada em 48 detentos da Cadeia Pública de Altos, de acordo com a Secretaria de Estado da Justiça (Sejus). A Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi) foi acionada e coletou amostras para exames, dentre eles o para a Covid-19, embora, segundo a Sejus, nenhum dos presos tenha apresentado sintomas da doença.

O exame preliminar da Sesapi teria detectado a presença de coliformes fecais na água e o quadro clínico de alguns dos detentos foi apontado como leptospirose, infecção causada por bactéria transmitida por animais como o rato por meio do contato com água, solo ou alimentos contaminados.

Depois de relatada a suspeita de contaminação pela água, a Sejus afirmou realizou a limpeza da caixa d’água e tubulação da unidade, bem como irá implementar o tratamento da água da penitenciária, que, até que a situação seja resolvida, os internos estão consumindo água mineral.

A situação da Cadeia Pública de Altos é acompanhada pelo Ministério Público do Piauí.

Protesto de familiares

Familiares de detentos realizaram o protesto nesta segunda-feira (18) no Centro de Teresina — Foto: Divulgação

Familiares de presos da Cadeia Pública de Altos realizaram um protesto nessa segunda-feira (18), no Centro de Teresina. Os manifestantes pediram mais esclarecimentos sobre a infecção. A esposa de um preso, que preferiu se identificar apenas como Leide, disse que parentes do detento que morreu devido à doença estão indignados.

Segundo a manifestante, familiares pedem mais informações sobre o estado de saúde dos mais de 40 presos que também foram infectados. “As pessoas estão indignadas, porque se fosse nosso familiar, nós também estaríamos da mesma forma”, comentou.

Nota da Secretaria de Justiça

A Secretaria de Estado da Justiça informa que o detento Jeferson Linhares Silva faleceu nesta sexta-feira (22), em decorrência de um agravamento no seu quadro de saúde. O detento estava internado no Hospital de Urgências de Teresina (HUT), desde o dia 18/05.

Fonte: G1

Deixe uma resposta