“Zé de Valério” foge para o Piauí após se safar do cerco da Polícia do Ceará

0
Retrato-falado do vaqueiro “Zé de Valério”, que raptou, estuprou e matou a jovem Daniele

Veja o vídeo em que o agricultor fala da presença do vaqueiro no Piauí:

O vaqueiro foragido da Justiça, José Pereira da Costa, o “Zé de Valério”, conseguiu escapar da Polícia do Ceará e pode já estar no vizinho estado do Piauí. Depois de quase 60 dias de fuga pelo mato, passando por cinco municípios cearenses, o bandido foi visto a dois quilômetros da divisa entre os dois estados, na localidade de Baixão, já no território piauiense. A Polícia não confirmou esta versão.

Um morador da localidade afirma ter ficado frente a frente com um homem que teria entrado na propriedade rural em busca de água e comida. Pela descrição física do estranho, o morador acredita se tratar de “Zé de Valério”, caçado pela Polícia do Ceará desde a manhã do dia 24 de abril, após ele raptar, estuprar e matar a tiros uma jovem de 20 anos no Município de Pedra Branca, no Sertão Central do Ceará (a 285Km de Fortaleza).

Em um vídeo que já circula nas redes sociais, o morador conta para um repórter da região que o suposto foragido da Justiça do Ceará tem a seguinte descrição física: magro, barbado e veste roupas muito suja. “Achamos que é ele mesmo. Ele estava calmo, mas quando um rapaz daqui passou a fazer perguntas, ele ficou nervoso e foi embora”, afirma o agricultor. Outro traço característico do vaqueiro – e confirmado pelo agricultor – e que o suspeito manca de uma perna.

Retrato-falado do vaqueiro “Zé de Valério”, que raptou, estuprou e matou a jovem Daniele

Foragido

“Zé de Valério” vem sendo caçado na região do Sertão Central e já teria chegado ao Piauí depois de passar pelos Municípios de Pedra Branca, Senador Pompeu, Boa Viagem, Independência e Crateús, entrando em território piauiense no fim de semana. A Polícia cearense ainda não confirmou a informação, mas policiais da PM do Piauí já estão em buscas na área próxima à divisa dos dois estados.

“Zé de Valério” passou a ser caçado após ter raptado, estuprado e assassinado com um tiro no olho a estudante universitária Daniele Oliveira Silva, 20 anos, na noite de 24 de abril último. O crime aconteceu ao lado de uma estrada na localidade de São Gonçalo, a 15 quilômetros da cidade de Pedra Branca. O corpo da garota, porém, só foi encontrado na manhã seguinte.

Por várias vezes, desde então, as polícias Civil e Militar montaram cercos naquela região, mas o bandido conseguiu escapar. Em algumas ocasiões, ele apareceu pendido comida e água em casas no sertão. Ema delas, acabou roubando uma motocicleta.

FONTE: Blog do Fernando Ribeiro

Deixe uma resposta